O governo do Rio de Janeiro prorrogou ontem (14) as medidas restritivas para conter a propagação da covid-19 no estado. A principal mudança é a determinação de retorno ao trabalho presencial de servidores que já tenham sido imunizados.

Segundo o governo fluminense, o funcionário deve retomar trabalho presencial 14 dias depois de ter tomado as duas doses da vacina (no caso da CoronaVac, AstraZeneca ou Pfizer) ou a dose única (no caso da Janssen).

Também devem retornar às atividades presenciais aqueles que já deveriam ter se vacinado mas que optaram por não se imunizar.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: AGENCIA BRASIL - EBC

Deixe seu Comentário